O que fazemos

1 - Falámos pela 1ª vez em fibromialgia no nosso país em maio de 1999, no programa "Praça da Alegria" da RTP1.

Milhares de doentes foram atendidos, informados e ajudados após essa data.

2 - Promovemos diversos encontros e simpósios sobre fibromialgia, quer no Porto, quer em Lisboa, em colaboração com a Associação Portuguesa de Miastenia Gravis e Doenças Neuromusculares.

3 - Diversas intervenções de esclarecimento sobre a patologia em todos os órgãos de informação audio-visuais e inúmeras entrevistas e artigos para o mesmo fim na comunicação social falada e escrita.

4 - Fomos recebidos, após respectivo pedido de audiência, no Ministério da Saúde, em 23 de Janeiro de 2003.

Recebemos posteriormente, como consequência desse encontro, informação vinda da Direcção Geral de Saúde, sobre o reconhecimento da Patologia como Doença Crónica e incapacitante no nosso país, desde 1990.

A nosso pedido, foram já enviados esclarecimentos sobre a patologia para todas as unidades de saúde do país.

5 - Já proporcionámos:

5.1 - Consultas gratuitas.

5.2 - Medicamentos.

5.3 - Apoios domiciliários e hospitalares a doentes em crise.

5.4 - Apoios socio-económicos e familiares.

5.5 - Reuniões de informação e ajuda desde Maio de 2002, com a presença mensal de cerca de 100 doentes.

5.6 - Orientação fisiológica do esforço.

5.7 - Distribuição do 1º Boletim Informativo pelos Associados.

5.8 - Organização de convívios.

Desenvolvido por: Particula Digital